O surfe (do inglês surf) é um esporte individual, radical, praticado no mar. O desafio é se manter o maior tempo possível em pé sob uma prancha, deslizando sob as ondas e realizando manobras com vários níveis de dificuldade. A modalidade vem crescendo no cenário esportivo mundial. E aqui no Brasil, não é diferente, ainda mais após a conquista da medalha de ouro de Ítalo Ferreira, nas Olimpíadas de Tóquio 2020 (realizada em 2021).

O crescimento da modalidade e as conquistas dos brasileiros no esporte têm motivado muitos jovens e crianças, que sonham em praticar o surfe e serem futuros campeões. E a Rocinha Surfe Escola, em parceria com o Esporte Presente, oferece aulas na Praia de São Conrado, Rio de Janeiro. Ricardo Ramos, professor do projeto fala da importância do ensino para os alunos.

“A importância do esporte para os meus alunos é poder dividir conhecimentos, experiências e contribuir para um número menor de riscos de afogamento. Nossos principais objetivos é a integração social, formação de atletas profissionais e acima de tudo, cidadãos. Convidamos a todos que têm o sonho de aprender a surfar, que se inscreva no projeto”.

As aulas, gratuitas, acontecem 2ª e 4ª, das 8h às 10h e das 15h às 17h, no Cantão de São Conrado. O ponto de encontro é na sede da Associação, na Estrada da Gávea, 580, e de lá os professores vão andando com os alunos para a praia.

Quando chove, as aulas acontecem na sede da Associação, que fica na casa de um dos diretores. Nesses dias, as aulas são voltadas para as artes plásticas: os alunos produzem mini pranchas artesanais.

 

.   

Imagens: Caio Thomaz/Ascom Ceperj 

WordPress Video Lightbox
Skip to content